Follow by Email

sábado, 22 de outubro de 2011

Senhor eu não sou nada


“Humilhai-vos perante o Senhor, e ele vos exaltará.” (Tg 4.10)

A idéia bíblica para essa humilhação pode ser entendida por “quebrantamento”, “rendição total”. Há um texto que corrobora com esse, que nos diz: “Bem-aventurados os pobres de espírito, porque deles é o reino dos céus;” (Mt. 5.3) Quem são os pobres de espírito? Esses são os que se humilham diante de Deus; são aqueles que se encontram rendidos e quebrantados no altar do Senhor. Numa postura de submissão completa diante do Deus que os livrou da morte eterna e como participantes ativos do Reino de Deus, eles empobrecem a si mesmos, para serem cheios dos os valores de Deus. O “pobre de espírito” citado por Jesus no sermão do monte é aquele que consegue mortificar toda a sua carne e valores. Ele abre mão de suas vontades e se torna pobre interiormente, para ser usado por Jesus. Ele reconhece que não é nada! Reconhece suas incapacidades! Ele entende plenamente que necessita diariamente, da cobertura das misericórdias de Deus em sua vida. Acho profunda a maneira como os valores de Deus solapam nossas convicções e motivações. Compreendemos então que, para Deus nos usar, é necessário que sejamos reduzidos a nada. Sim! É a partir desse nada que se quebrantou e se humilhou no altar do Senhor, que Deus irá ministrar os seus valores e fazer dessa vida um instrumento que glorifique o Seu nome na terra. Esse é o caminho da exaltação que provém de Deus. Você está disposto a pagar o preço? Está disposto a abrir mão dos seus valores, conceitos, motivações e outros que predominam em sua vida? Creia nessa palavra que é profética de Deus para a minha e sua vida! Pois a trajetória da vitória começa com o quebrantamento e a humilhação no altar do Deus que nos salvou.

Pr. Waldyr Silva do Carmo

IGREJA CASA DE ORAÇÃO CEHAB
http://casadeoracaocehab.blogspot.com
prwaldyrcarmo@yahoo.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário