Follow by Email

domingo, 13 de novembro de 2011

O pecado da cobiça


O PECADO DA COBIÇA.

Assunto: Josué. 7: 5,18-26 – A cobiça no coração do homem traz maldição e morte.
Trinta e seis homens tinham sido feridos em uma batalha, a nação de Israel sofreu uma derrota no campo e ficaram muito tristes, por causa de um homem ter sido enganado pelo pecado. A família de Acã pagou caro pelo seu pecado de “cobiçar”, a prata, a capa, a cunha de ouro. Os filhos e as filhas, e tudo que eles tinham, foram levados para fora do arraial sendo apedrejados, custando-lhes a vida.
Davi com Bate-Seba (cobiça pelo apetite da carne: concupiscência. O pecado de Davi com Bete-Seba (Cobiça+ adultério= homicídio)
(II Samuel -11) –Atração pelos olhos: A cobiça pela beleza, abriu a porta para adulterar, depois enganar, planejar o homicídio para encobrir o seu pecado. Como resultado: tristeza e angustia: sofrimentos. Quanto mais brilho e mais beleza, maior é as consequências.
Mateus. 5: 28- Eu, porém, vos digo, que qualquer que atentar numa mulher para cobiçá-la, já em seu coração cometeu adultério com ela. Quanto mais damos desculpas ao pecado, menos sabedoria temos. Reconhecer o pecado, através do arrependimento, o pecado tem seu fim. Não podemos mentir, para ocultar o pecado, porque será descoberto, e seu final  é o  lago de fogo. (Apocalipse. 20: 11-15).
Apocalipse. 20:11 a 15- E vi um grande trono branco, e o que estava assentado sobre ele, de cuja presença fugiu a terra e o céu; e não se achou lugar para eles. E vi os mortos, grandes e pequenos, que estavam diante de Deus, e abriram-se os livros; e abriu-se outro livro, que é o da vida. E os mortos foram julgados pelas coisas que estavam escritas nos livros, segundo as suas obras. E deu o mar os mortos que nele havia; e a morte e o inferno deram os mortos que neles havia; e foram julgados cada um segundo as suas obras. E a morte e o inferno foram lançados no lago de fogo. Esta é a segunda morte. E aquele que não foi achado escrito no livro da vida foi lançado no lago de fogo.
A mentira anda junto com cobiça e atrás de tudo isso vem a morte. Para justificar o pecado da cobiça, se oculta com a mentira.
Judas encheu o coração pelo dinheiro. A promessa foi trinta moedas de prata, mas o fim foi suicídio sua própria morte.
No tribunal de Cristo, cada um tem que dar conta de si mesmo a Deus
1 Timóteo. 6:10- Porque o amor ao dinheiro é a raiz de toda a espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos com muitas dores.
O nosso coração tentará nos enganar. Portanto, precisamos da luz que vem pelo Espírito Santo, pela revelação da Palavra de Deus. A obediência da Palavra é a sabedoria de Deus.
Deus abençoe a todos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário